história
missão
diretoria
conselheiros
comissões
organograma
equipe
estatuto
regimento interno
localização
competência
FAQ
ouvidoria
contato

como registrar-se
renovação/2ªvia
reativação de             registro
transferência de             registro
baixa de registro
troca de             categoria
inclusão/licenciatura
            bacharelado
isenção/anuidade

como registrar-se
Autônomo
            Localizado
renovação
            certificado PJ
baixa de registro
reativação
            de registro
responsabilidade
            técnica
alterações
requerimento bônus
lista/academias

informações

boleto/anuidade
prestação/contas
proposta
            orçamentária
extrato
            proposta
            orçamentária

departamento de
            fiscalização
processos
            administrativos
formulários de
            impugnação e
            recurso / prazo
denuncie
ações
municípios
            fiscalizados

DECISÕES
Decisões Judiciais
ELEIÇÕES
legislação
galeria de fotos
galeria de videos
eventos
cursos
licitação
notificações

16/04/2021 08:52
Por: Comunic.Ativa Assessoria de Imprensa CREF11 MS

PL reconhece atividade física como essencial avança na ALMS

Assembleia Legislativa aprova em 1ª votação Projeto de Lei que reconhece prática da atividade física e do exercício físico como essenciais, PL vai agora para análise de comissões

Foi aprovado em primeira votação o projeto de lei “Reconhece a prática da atividade física e do exercício físico como essenciais para a população de Mato Grosso do Sul, em estabelecimentos prestadores de serviços destinados a esta finalidade, bem como espaços públicos em tempos de crises, ocasionadas por moléstias contagiosas ou catástrofes naturais, desde que observadas nas medidas de biossegurança” nesta quinta-feira (15), na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS).

O Projeto de Lei 69/2021, é de autoria do deputado Herculano Borges. O deputado Herculano Borges é formado em educação física pela UFMS. O CREF11/MS tem batalhado para que os profissionais de Educação Física possam exercer suas atividades essenciais durante esse período de Pandemia em diferentes frentes. Por isso, demonstra apoio a esse projeto de lei.

Tramitação
Na quarta-feira (14), o projeto foi aprovado por unanimidade na Comissão de Constituição e Justiça por 5 a 0. Na quinta (15), foi levado ao plenário para primeira votação, onde foi aprovado com 18 votos favoráveis e nenhum contrário. Semana que vem, o projeto irá tramitar na Comissão de Saúde e na Comissão de Serviços Públicos, Obras, Transporte, Infraestrutura e Administração.
O deputado pretende tentar colocar o projeto em segunda votação no plenário a partir do dia 27 de abril, e após essa nova aprovação, a lei vai para sanção do governador.

Importância da atividade física para saúde
As atividades físicas são essenciais para o combate a pandemia de Coronavírus. As comorbidades podem catapultar um paciente acometido pela Covid-19 para um estágio mais grave. Isso nos faz associar a falta de atividade física com maiores complicações e pior prognóstico da infecção pelo novo coronavírus.

No pós-pandemia, as atividades são essenciais para recuperação dos pacientes, principalmente aqueles que apresentaram sequelas. Muitas pessoas que tiveram COVID-19 e se recuperaram, alguns meses depois, mesmo entre aqueles que tiveram versões leves da doença, continuam a lutar contra os sintomas após a recuperação inicial. O fenômeno é chamado de “Síndrome Pós-COVID-19”.

Para o autor do projeto, deputado Herculano Borges, esse é o “Reconhecimento do exercício físico como aliado a saúde. O indivíduo quando ele tem um bom condicionamento físico tem sistema imunológico mais forte e, também, fica menos suscetível à enfermidades. Outro aspecto importante que temos que observar é que muitas pessoas estão curadas, mas estão com sequelas. Vamos supor que resolvam fechar os parques, os espaços públicos ou mesmo as academias e os estúdios. Onde essas pessoas poderão fazer o tratamento para recuperar o condicionamento físico, melhorar o sistema pulmonar se esses espaços estiverem fechados?”

“Sabemos que o profissional da Educação Física é um parceiro da saúde. Essa aprovação vem garantir esse direito de que os espaços onde se praticam atividades físicas estejam abertos. Em primeiro lugar para prevenção e em segundo, tratamento no pós covid”, conclui Herculano.

| veja mais | | voltar |

email:
cref11@cref11.org.br

Rua Joaquim Murtinho, 158 - Centro - Campo Grande - MS - 79002-100
Telefone: (67) 3027-9100
 developed by