Uma simples caminhada de meia hora por dia pode ajudar a prevenir a doença de Alzheimer. A prática de atividades regulares já é uma conhecida neuroprotetor e um estudo recente mostra que elas podem ser leves.

A conclusão dos cientistas dos Estados Unidos e Canadá veio após a análise de ressonâncias magnéticas dos cérebros de mais de 10 mil pessoas.

Aquelas pessoas que realizavam exercícios físicos com frequência, tinham o volume de áreas do cérebro mais proeminentes. A massa cinzenta, que processa informações, a matéria branca, responsável por conexões cerebrais, e o hipocampo, que armazena a memória.

Alzheimer é a forma mais comum de demência, responsável por sete em cada dez casos no mundo. Projeções indicam que até 2050, o número de diagnósticos deve triplicar, passando para mais de 150 milhões de casos. A OMS (Organização Mundial da Saúde), entende que a prevenção da doença é uma prioridade, tanto por meio de políticas públicas quanto por atitudes individuais.

A atividade física é indicada para todas as idades e oferecem diversos benefícios, com a prática regular dos exercícios várias doenças podem ser evitadas.

Fonte: Terra

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *